BRECHÓ DAS TELHAS

O Grupo Com mais de 50 anos de fundação, o Museu das Telhas em São Paulo foi criado pelo ex – caminhoneiro Carlos Pereira Neto. O atual colecionador de telhas fazia o transporte de telhas novas e na época notou a qualidade das peças que eram jogadas fora e que poderiam ser reaproveitadas.

A prática em recolher, separar e estocar telhas descartadas fez de Neto uma referência para as cerâmicas que na época estavam fechando ou deixando de fabricar determinado modelo de telha. O proprietário virou uma espécie de repositor de telhas no meio cerâmico.

 

São aproximadamente 400 mil unidades e mais de 200 modelos no estoque. Desde exemplares que datam da época que o Brasil ainda era uma colônia, como a telha francesa (foto) até as telhas mais recentes. Fonte Revista Novacer 36 – Abril de 2013.

O Grupo Tavares também possui um pequeno acervo de telhas cerâmicas coloniais, sobretudo em seus variados galpões antigos. Como a telha da foto abaixo que cobre os galpões da CEAGRA. Fabricado em 1977.